Pesquisar este blog

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

.

Ñ quero mais escrever. Vendi minhas ferramentas, perdi minha caderneta, me perdi no camiño. Estou indo, sempre indo. E agora sem a escrita, até quando eu ñ sei. Essa ferida já foi escarafunchada, muito já foi dito, muito foi perdido, muito me podaram. Quase perdi meus braços de tanto escrever e agora eles só farao o rude trabalho, como diria carlos drummond de andrade. Já quase ñ lembro de meus escritores favoritos, vendi também meus livros. Já ñ respondo recados e mensagens, já perdi minhas referencias, princípios e identidade. Estou começando outra vez, muito ficou para trás e que fique por lá. Ñ quero voltar, ñ mais. Ñ quero mais falar, ler ou escrever na minha língua, quero ir. Estou feliz, ainda perdida, mas no meu camiño.

Um comentário:

On The Rocks disse...

"eu sigo só o meu caminho".

bj